terça-feira, 26 de julho de 2016

Comemorando 10 anos dedicados 
à  arte, pesquisa e perfomance,


IV SIMPÓSIO DE CRÍTICA DE POESIA

 “ VIVOVERSO 10 ANOS:
CALEIDOSCÓPIO EM ARTE, PESQUISA E PERFORMANCE ”

PROGRAMAÇÃO 28 e 29 de setembro de 2016
 Beijódromo –UnB

Dia 28 de setembro - Homenagens, arte e performance

16h30- 17h15 – Inscrições

ABERTURA
Exposição “Memorabilia Vivoverso 10 anos” (2006 -2016)

17h30- Conferência “Vivendo a Memória viva”- com o poeta Nicolas Behr
Mediação- Sylvia Cyntrão

Lançamento festivo do Edital 2016 do ‘Prêmio Nicolas Behr de Literatura’ (segunda edição), com a presença dos ganhadores da 1ª. Edição de 2015.
Mediação -  Elizabete Barros

18h30 –
Mesa Especial de Saudação aos 21 Grupos de Pesquisa do Póslit 
Ivan Camargo- Reitor
Jaime Santana- Decano de Pesquisa e Pós -graduação
Enrique Huelva- Diretor do Instituto de Letras
Rogério Lima- Chefe do TEL  
Sylvia Cyntrão- Líder do Grupo Vivoverso

19h 30 às 20h 30 –
Espetáculo poético-musical “Caleidoscópio dos Versos Vivos”
Grupo de Pesquisa e Performance Poéticas contemporâneas –Vivoverso

(Dedicado aos professores Antonio Miranda e Elga Laborde – membros fundadores e ao artista Alex Paes de Moraes)

20h30 - Confraternização

Dia 29 de setembro – Pesquisa

8h 15 às 09h45-
Mesa ‘Projetando a Memória em versos- 1’(Póslit-UnB)
Beatriz Campos – A memória do sertão mineiro na canção “Morro Velho”, de Milton Nascimento
Lemuel Gandara – Só a antropofagia nos une: estetykas, dogmas e manifestos no cinema literário brasileiro
Marcelo Abreu – O artista multifacetado: dialogismo e carnavalização nas canções de Caetano Veloso
Roberto Medina – As desinutilidades das coisas do chão que voam fora das asas de Manuel de Barros
Mediação: Lemuel Gandara   

10h 15 às 11h00-
Mesa ‘Projetando a Memória em versos- 2’ (Póslit-UnB)
Adenilson Vasconcelos -  A terceira lâmina e a ferida em Zé Ramalho
Elizabete Barros - Criolo e o dispersar da imagem: os ritos da cidade na canção “Não existe amor em SP”.
Julliany Mucury – Das transmutações do amor e da dor em tempos d'água: Renato Russo diz Adeus”
Kelly Vyanna - A épica pós-moderna em Metal contra as Nuvens, de Renato Russo
Mediação: Elizabete Barros 

11h – CAFÉ

11h 15 às 12h30 –
Conferência – ‘A permanência da Memória -1’
Júlio Cesar Valadão Diniz (PUC-RIO)
Mediação: Julliany Mucury (Póslit-UnB)

12h30-14hh ALMOÇO

14h às 15H30 -  
Mesa- ‘Projetando a Memória em versos- 3’ (Póslit-UnB)
Ana Clara Magalhães - "O verso é vivo no Centro-Oeste: problemas de uma poética do Cerrado”.
Ludmila Gondim – Poesia e Testemunho: o caso das canções de João do Vale
Marcos Eustáquio -  Brasília: uma casa de morar em Rodrigues e Godoy Garcia.
Maxçuny Silva - Não há cova profunda que sepulte a rasa covardia: a ditadura brasileira e seus "desaparecidos" em poema de Affonso Romano de Sant'Anna
Mediação: Marcos Eustáquio  

16h às 17h-
Conferência ‘A permanência da Memória- 2’
Fernando Fábio Fiorese Furtado (Letras -UFJF)
Mediação: Rogério Lima (Póslit - UnB)


ENCERRAMENTO


***

sexta-feira, 25 de março de 2016

quinta-feira, 21 de janeiro de 2016

2006-2016 : 10 ANOS DEDICADOS À PESQUISA DE POESIA E À SUA DIVULGAÇÃO EM TESES, DISSERTAÇÕES, ARTIGOS, LIVROS, PERFOMANCES E MAIS....

VIVOVERSO DANDO VOZ AOS POETAS DE BRASÍLIA EM  'LUZES DA CIDADE'. ANFITEATRO 9 DA UnB.
O 'Grupo de Pesquisa Vivoverso' tem seu trabalho registrado na produção de pesquisa sobre a palavra falada e cantada no Póslit  da Universidade de Brasília e nos espaços culturais  da cidade desde o ano de 2006.

A produção de pesquisa acadêmica está registrada nas dissertações e teses defendidas, nos artigos em periódicos e nos livros publicados a partir dos Simpósios organizados pelo grupo.
(ver os links para leitura no post à direita -Produções acadêmicas do grupo)
Brevíssimo histórico 
2016- 4a EDIÇÃO DO  'SIMPÓSIO DE CRÍTICA DE POESIA ( já em construção na pesquisa).
201ES DA CIDADE'- CENA ROTEIRIZADA COM POEMAS TEMÁTICOS SOBRE BRASÍLIA; ARTIGOS E ORGANIZAÇÃO DA REVISTA CERRADOS 40-COMEMORATIVA.5- 40 ANOS DO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM LITERATURA- 
'LUZ



2014 - 'QUEM CANTA COMIGO? CHICO BUARQUE: SINAL ABERTO!' SIMPÓSIO, CENA ROTEIRIZADA , ARTIGOS E LIVRO.
2013- 'O VERSO VIVO DE VINICIUS DE MORAES' (100 ANOS) CENA ROTEIRIZADA, SIMPÓSIO, ARTIGOS E LIVRO. 
2012- '50 ANOS DE LETRAS NA UnB: MEMÓRIA  E PERSPECTIVAS'- CENA ROTEIRIZADA , ARTIGOS E LIVRO. 
2011-ATUAÇÃO NA '1ª BIENAL DO LIVRO E DA LEITURA DE BRASÍLIA'
PRESENÇA DO JORNALISTA E ENSAISTA JOSÉ CASTELLO (PRÊMIO JABUTI EOUTROS)
2010-  ESPETÁCULO 'BRASÍLIAS DE LUZ', CENA ROTEIRIZADA COM POEMAS DE AUTORES QUE ESCREVERAM SOBRE A CAPITAL, NO AUDITÓRIO DO MUSEU DA REPÚBLICA . HOMENAGEM AO COMPOSITOR OSWALDO MONTENEGRO, COM A PRESENÇA DO ARTISTA.
2009-   'POESIA NO JARDIM DA FILOSOFIA' NO CCBB. PALESTRAS. COM O CANTOR ZECA BALEIRO E O POETA LUIS TURIBA, ENTRE OUTROS.
2008- 'FALE-ME DE AMOR' -  CENA ROTEIRIZADA COM POEMAS DE  AFFONSO ROMANO DE SANT'ANNA, EM SUA HOMENAGEM, COM A PRESENÇA DO POETA (PRÊMIO JABUTI E OUTROS)
2007- 'EM CENA COM CARPINEJAR'  CENA ROTEIRIZADA COM POEMAS DE FABRÍCIO CARPINEJAR , COM A PRESENÇA DO POETA ( PRÊMIO JABUTI E OUTROS)
2006- CRIAÇÃO DO GRUPO  COM COM VISTAS À PRODUÇÃO DE PESQUISA SOBRE A LÍRICA  CONTEMPÓRÂNEA.
Foto histórica . O poeta e professor emérito da UnB - patrono do Grupo! 

ALGUNS DOS POETAS que já estiveram com o Grupo , ESPECIALMENTE CONVIDADOS PARA DEBATES:

Affonso Romano de Sant'Anna, Alberto Bresciani, AL-Chaer, Angélica Torres, Amneres Santiago,  Antonio Miranda, Clodo Ferreira, Carla Andrade, Deliane Leite, Fabrício Carpinejar, Fernando Fiorese , Luis Turiba, Morvan Ulhoa, Nicolas Behr, Xico Chaves.  Após a obra de poetas contemporâneos dos 4 cantos do Brasil ser selecionada , é lida, debatida, avaliada, teorizada e valorizada.


Evento 'Chico Buarqu, sinal aberto!' -os craques intérpretes da canção (Elga Laborde e Marília de Alexandria ao centro e os músicos-pesquisadores ) com o diretor do IL Enrique Huelva .
Os membros do grupo oferecem uma contribuição diferenciada na pesquisa: roteirizam a palavra falada cantada e a performatizam em cena, promovendo a extensão de seu trabalho de pesquisa (para além das publicações em revistas qualificadas e livros) a toda a comunidade.